Se sua organização usa um serviço de e-mail diferente do Gmail, como o Microsoft Exchange ou outro serviço SMTP não oferecido pelo Google, você poderá usar a configuração do serviço de retransmissão SMTP para rotear e-mails de saída por meio do Google. Essa configuração permite que você filtre mensagens para identificar spam e vírus antes que elas cheguem a contatos externos e aplique as configurações de segurança de e-mail do Google Apps a mensagens de saída.

Limites para usuários do Google Apps registrados
Um usuário do Google Apps registrado não pode retransmitir mensagens para mais de 2.000 destinatários por dia.

Limites por domínio
Os limites de envio por domínio são determinados pelo número de usuários em sua conta do Google Apps. Existem dois limites por domínio:

  • O número máximo de destinatários permitido por domínio por dia é aproximadamente 130 vezes o número de usuários em sua conta do Google Apps.
  • O número máximo de destinatários permitido por domínio em uma janela de 10 minutos é aproximadamente nove vezes o número de usuários em sua conta do Google Apps.

Além disso, o número máximo de destinatários permitido por domínio por dia para contas que ainda não foram pagas durante o primeiro mês do serviço é cem.

Depois que você definir a configuração do serviço de retransmissão SMTP, precisará configurar seu servidor de e-mail de saída local ou outro serviço SMTP para direcionar mensagens para o Google. Consulte as etapas abaixo para ver as instruções.

Para rotear seu e-mail de saída por meio do Google Apps usando a configuração serviço de retransmissão SMTP:

  1. Faça login no console do Google para administradores
  2. Clique em Google Apps > Gmail > Configurações avançadas
  3. Na seção "Organizações", destaque a organização de nível superior . Consulte Definir configurações avançadas para o Gmail para mais detalhes.
    Observação: só é possível definir a configuração do serviço de retransmissão SMTP para a unidade organizacional-raiz. Você poderá visualizar a configuração no nível suborganizacional depois que ela for adicionada, mas não poderá adicionar, editar ou excluir a configuração no nível suborganizacional.
  4. Role para baixo até Serviço de retransmissão SMTP. Você também pode digitar Serviço de retransmissão SMTPno campo de pesquisa:
    • Se o status da configuração for Ainda não configurado, clique em Configurar . A caixa de diálogo Adicionar configuração será exibida.
    • Clique em Editar para editar uma configuração existente. A caixa de diálogo Editar configuração é exibida.
  5. Clique em Adicionar descrição para inserir uma breve descrição que aparecerá no resumo da configuração.
  6. Na seção "Remetentes permitidos", escolha quais os tipos de usuários têm permissão para enviar e-mails pelo serviço de retransmissão SMTP. Selecione uma destas três opções: [nosso domínio], onde [seu domínio] é o domínio que o sistema recebe de SMTP AUTH ou do comando HELO ou EHLO.
    • Somente usuários registrados do Google Apps em meu domínio: o remetente deve ser um usuário registrado em um de seus domínios.
    • Somente endereços em meus domínios: o remetente não precisa ser um usuário do Google Apps reconhecido, mas deve estar em um de seus domínios registrados. Isso às vezes é útil quando você tem aplicativos de terceiros ou personalizados que precisam enviar e-mail.
    • Quaisquer endereços (não recomendado): o endereço do remetente pode ser qualquer um, até mesmo um endereço fora de seu domínio.
    A opção "Quaisquer endereços" o torna mais vulnerável ​​a abusos, seja por meio de malware em computadores de seus usuários ou pela configuração incorreta da infraestrutura SMTP. Portanto, não recomendamos essa opção.

    Para que a opção Qualquer endereço funcione corretamente, você precisa configurar o servidor de e-mail para usar o SMTP AUTH para identificar o domínio de envio ou apresentar um de seus nomes de domínio no comando HELO ou EHLO. Veja as instruções abaixo para configurar o tipo de servidor específico. Também é preciso configurar o servidor de e-mail de uma destas formas se você envia e-mails de um domínio que não é de sua propriedade, como yahoo.com, ou se envia e-mails com um envelope vazio, como relatórios de falha na entrega ou resposta automática de férias.

    Se o remetente do envelope não estiver em um de seus domínios, o sistema alterará o remetente do envelope deusuário@[domínio que não pertence a você] para postmaster@[seu domínio], onde [seu domínio] é o domínio que o sistema recebe do SMTP AUTH ou do comando HELO ou EHLO.

  7. Na seção "Autenticação", clique em Adicionar.
  8. Digite um endereço ou intervalo IP. As mensagens enviadas a partir desses endereços IP serão confiáveis, ​​como se tivessem vindo de seus domínios.

    Use o formato CIDR (Classless Inter-Domain Routing) para inserir um intervalo IP, por exemplo, 123.123.123.123. Use seu próprio endereço IP público. O número máximo de endereços IP que podem ser especificados no intervalo é 65.536. Recomendamos que você mantenha o menor intervalo IP possível por motivos de segurança.

    Também é possível usar formatos de endereço IPv6 para especificar um endereço IP, por exemplo:
    1050:0000:0000:0000:0005:0600:300c:326b ou
    1050:0:0:0:5:600:300c:326b ou
    1050::5:600:300c:326b
  9. Clique em Salvar.
  10. Na seção "Criptografia", clique em Exigir criptografia TLS para exigir que a comunicação entre seu servidor e o servidor do Google use a criptografia TLS, incluindo o conteúdo da mensagem.
    Observação: se seu servidor de e-mail não oferecer suporte a TLS, não marque essa caixa. Se ela for marcada, o Google rejeitará as mensagens que não forem criptografadas.
  11. Quando terminar de fazer as alterações, clique em Adicionar configuração ou Salvar para fechar a caixa de diálogo.
    Observação: as configurações adicionadas por você são destacadas na página Configurações avançadas.
  12. Clique em Salvar alterações na parte inferior da página Configurações avançadas.

  13. Configure seu servidor de e-mail de saída local para direcionar mensagens para smtp-relay.gmail.com na porta 25, porta 465 ou porta 587. Consulte as seções abaixo para ler instruções sobre como concluir esta etapa em servidores de e-mail específicos.

  14. Fonte: https://support.google.com


Wednesday, June 4, 2014







« Voltar

Powered by WHMCompleteSolution